Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Não quero

por Regina da Cruz, em 20.09.15

Não quero que me procurem

Não quero falar

Não quero que me telefonem

Não quero convites

Não quero passeios

Não quero convívios

Não quero contacto.

 

Quero estar só. Sózinha.

 

Ou então quero-te a ti, ó ser improvável, ser que não existe, ou que, existindo, tarda em aparecer em todo o seu esplendor, para me salvar de mim. Quero-te a ti que és diferente e me aceitas, na minha imperfeição e pobreza, e me compreendes, me abraças e não me forças a nada, não me julgas, não me censuras, amas-me e o teu coração bate mais rápido quando me vê. Quero-te só a ti, tu, que serás fiel e seguro, apesar de tudo, de todas as dificuldades. Apenas a ti suportarei e apenas para ti correrei de alma leve e braços abertos. Só tu terás acesso a tudo aquilo que tenho conquistado e guardado carinhosamente para partilhar, o meu mundo, o melhor de mim. Por que tardas? Talvez porque me escondo. Um milagre, só um milagre.

 

Todos os restantes esqueçam-me, como têm feito até hoje.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados





Calendário

Setembro 2015

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D